Prefeito de Nordestina sofre acidente de carro na BR-116 entre Feira de Santana e Santa Bárbara

          O prefeito de Nordestina Wilson Matos (Ito), sofreu um acidente de carro no início da tarde desta quarta-feira (26) na BR-116 no trecho entre Feira de Santana Leia Mais >>

Tragédia em Juazeiro: Após descobrir traição, mulher mata marido e se suicida

Uma suposta amante teria sido o principal motivo pelo qual levou uma mulher a matar o marido e se matar logo em seguida. O crime passional aconteceu na cidade de Juazeiro, na Leia Mais >>

SEM APOIO DO PODER PÚBLICO ACERVO DO MUSEU DO SERTÃO EM MONTE SANTO ESTÁ COMPROMETIDO

          Sem apoio do poder público, “Museu do Sertão”, em Monte Santo (BA), tem acervo comprometido. Entre as peças ali existentes, encontram-se telas do artista plástico feirense, Juraci Leia Mais >>

AO VIVO: Sessão da Câmara de Senhor do Bonfim desta terça (25)

Acompanhe no vídeo abaixo a transmissão da sessão ordinária da Câmara Municipal de Senhor do Bonfim, desta terça-feira, dia 25 de novembro, sob a presidência do vereador Laércio Muniz de Azevedo. Leia Mais >>

Sr do Bonfim: Casal é preso após perseguição da PM nas ruas da cidade

Casal estava pronto para realizar diversos assaltos na cidade           Uma perseguição no inicio da manhã desta terça-feira(25) com policiais da Guarnição do CETO  terminou com duas pessoas Leia Mais >>

 

Caldeirão Grande: Município comemora cinquentenário

Cidade comemora hoje 50 anos de História

Nesta quarta-feira, dia 25 de abril, o município de Caldeirão Grande, situado no Centro Norte baiano, à 333 quilômetros de Salvador, comemora seus 50 anos de emancipação política. O município é bastante “rural” pois cerca de 55% de sua população reside na zona rural, que é formada por diversas fazendas, povoados, e um distrito.
HISTÓRIA- As terras de Caldeirão Grande pertenciam ao vizinho município de Saúde e eram da propriedade particular do Coronel Porfírio Ferreira denominada Fazenda Boqueirão. Esta fazenda foi comprada por outras famílias que passaram a residir. As famílias foram crescendo e criou-se o povoado, que devido à existência de caldeirões de pedras, conhecido como Lage onde se juntam águas das chuvas, e passou a ser chamado de Caldeirão Grande.
Em 30 de Dezembro de 1953 o próspero povoado passou a condição de Vila. Ficando conhecido como Vila Itaguaçu, por algum tempo, adquirindo mais tarde a denominação antiga e definida de Caldeirão Grande. No ano de 1961 começaram as lutas no ideal de emancipação política, vindo a se concretizar com a realização de um plebiscito unânime a favor da emancipação. Principais povoados: Água Branca, Alto Bonito, Baraúnas, Bela Vista (Várzea Suja), Boqueirão (onde começou-se a história do município, hoje é um dos mais desenvolvidos povoados do município), Patos, Quilômetro Trinta, Riachão e Vila Cardoso.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: